O mundo do turismo é muito amplo e complexo e o turismo religioso é um dos segmentos com mais procura, mesmo em períodos de crise. As localidades que oferecem atrações religiosas estão entre os destinos mais escolhidos pelos turistas, sempre na expetativa de experiências ligadas à fé ou à esperança.

Conheça, de seguida, alguns dos locais mais emblemáticos e procurados no âmbito do turismo religioso.

Os 9 destinos mais religiosos do mundo:

Cidade do Vaticano (Vaticano)

O centro da Igreja Católica é considerado um estado independente dentro de Roma, Itália. Local da Basílica de São Pedro, maior igreja do mundo e da extraordinária Capela Sistina.

Jerusalém (Israel)

A Igreja do Santo Sepulcro foi construída no local onde Jesus de Nazaré foi crucificado e sepultado por três dias antes da ressurreição, o que é de extrema relevância para a fé cristã. É também onde se encontra o Muro Ocidental, também conhecido como Muro das Lamentações, referência incontornável para os judeus. A cidade é, ainda, o terceiro lugar mais sagrado do Islamismo, sendo muito visitada por muçulmanos de todo o mundo.

Meca (Arábia Saudita)

O local mais sagrado do Islamismo e destino obrigatório de peregrinação muçulmana. No centro da cidade de Meca está o santuário Kaaba, uma construção em formato de cubo, reverenciada pelos muçulmanos como a Grande Mesquita.

Cidade do México (México)

A Basílica de Guadalupe é o principal santuário católico da América e o segundo mais visitado no mundo, logo atrás da Basílica de São Pedro, no Vaticano.

Santiago de Compostela (Espanha)

O famoso Caminho de Santiago, que se estende por toda a Europa Ocidental, ao longo de inúmeros quilómetros, leva todos os anos milhares de fiéis católicos até à cidade onde se encontra a catedral de Santiago. Esta alberga o túmulo de Santiago Maior, um dos apóstolos de Jesus Cristo e marca o fim da peregrinação.

Fátima (Portugal)

O Santuário de Fátima é, por excelência, um local de peregrinação cristã e devoção católica, que atrai milhares de visitantes todos os anos. No santuário, para além das duas basílicas construídas posteriormente, encontra-se a Capelinha das Aparições que preserva a memória dos acontecimentos que levaram à sua fundação, nomeadamente as aparições de Nossa Senhora aos três pastorinhos, em 1917.

Angkor Wat (Camboja)

A maior estrutura religiosa já construída é também um dos tesouros arqueológicos mais importantes do mundo. Faz parte do complexo de templos construídos na zona de Angkor, a antiga capital do Império Khmer durante a sua época de esplendor, entre os séculos IX e XV. Hoje, é símbolo do Camboja e tem importante significado budista.

Istambul (Turquia)

A Mesquita Azul é a maior mesquita de Istambul e um grande símbolo religioso para os muçulmanos que visitam a capital turca, sendo considerada uma das obras-primas do mundo islâmico, pela sua proporcionalidade, elegância e riqueza. Foi construída entre 1609 e 1616 e o seu nome advém do revestimento de azulejos azuis e vitrais também no mesmo tom.

Varanasi (Índia)

Varanasi é uma das cidades mais antigas e místicas do mundo e um centro de peregrinação para todos os Hindus. É banhada pelo rio Ganges, o mais sagrado de todos os rios e cuja água possibilita a purificação das almas.

>