was successfully added to your cart.

Carrinho

Portugal, Gibraltar, Israel, Austrália, Nova Zelândia e Singapura são alguns dos países que foram considerados “Green Travel Destinations” para os cidadãos do Reino Unido. O anúncio foi feito no início do mês de maio pelo Ministro dos Transportes inglês.

Com a inclusão do nosso país nesta “lista verde”, os turistas que visitam Portugal, desde 17 de maio, não terão de fazer quarentena no regresso ao Reino Unido. No entanto, exige-se que os turistas do Reino Unido que venham a Portugal façam um teste PCR antes de regressar a casa e um segundo teste PCR dois dias depois. Saiba mais sobre o tema neste artigo do IPDT.

Green Travel Destinations valem mais

Uma pesquisa da Butter revela que assim que saiu o anúncio, aumentaram os preços da experiência turística. O estudo incidiu sobre a análise do custo médio nos destinos num período de sete dias (incluindo hotel e voos) antes do anúncio feito pelo Governo do Reino Unido e uma semana depois do anúncio.

Os resultados mostram que o custo médio de férias aumentou depois da comunicação feita pelo Governo inglês, revelando ainda que estes países podem vir a ser mais procurados no momento da escolha do destino para férias.

Nesta fase inicial de retoma da atividade turística a nível internacional, esta notícia acaba por ser muito positiva para o turismo nacional, demonstrando confiança no destino Portugal, como sendo saudável e seguro.

Gibraltar + 6,1%
Israel + 5,5%
Nova Zelândia + 3,4%
Portugal + 1,7%
Austrália + 1,5%
Singapura + 0,9%
Reabertura do corredor verde entre o Reino Unido e Portugal fez disparar as ligações aéreas

A reação foi imediata. As pesquisas e reservas por Portugal intensificaram-se e, consequentemente, dispararam as ligações para o nosso país. Rapidamente as companhias aéreas, como a easyJet, a Ryanair, a Jet2 e a British Airways, adaptaram as suas rotas para Portugal. Esta reposição entre os dois países fez-se sentir em todo o território nacional, embora seja mais notória na região do Algarve, onde foram registados, na primeira semana livre de restrições, 175 voos provenientes de terras britânicas.

Confiança no destino Portugal

Portugal, à data deste artigo, é um dos países da Europa com menor incidência de casos Covid-19, tendo vindo a registar um avanço favorável em todos os indicadores de controlo da pandemia. Aliado a esse indicador Portugal possui o selo “Clean & Safe”, com o objetivo apoiar as empresas na identificação das medidas a adotar na contenção da pandemia de COVID-19, o que intensifica também a confiança no país enquanto destino turístico.

Ao longo dos anos Portugal tem conseguido construir uma marca forte junto dos mercados, apresentando-se como destino de excelência, quer pela autenticidade da experiência que é capaz de oferecer, quer pela simpatia e na forma como recebemos quem nos visita.

>