was successfully added to your cart.

Carrinho

O Plano Turismo + Sustentável 2020-2023 é o referencial estratégico do Turismo de Portugal, que pretende mobilizar os agentes e a sociedade para a promoção da sustentabilidade no Turismo em Portugal durante os próximos três anos.

Atualmente já é possível consultar a versão final do Plano Turismo +Sustentável 20-23 do Turismo de Portugal, após conclusão da fase de consulta pública, da qual resultaram mais de 100 participações provenientes dos agentes do setor, entidades públicas, associações e cidadãos que, segundo o Turismo de Portugal, “o tornaram mais diversificado e completo”. 

Resultante do plano de retoma “Reativar Turismo. Construir Futuro” e alinhado com os objetivos da Estratégia Turismo 2027, o Plano Turismo + Sustentável 20-23 pretende intensificar o objetivo da sustentabilidade na atividade turística com base nos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas: 

turismo-consultoria-tendencias-ods 

Nesta versão final, o documento reforça a importância de Portugal fortalecer o seu posicionamento e competitividade enquanto destino turístico sustentável e seguro, promovendo a transição energética para uma sustentabilidade ambiental, a economia circular das empresas turísticas envolvendo, para isso, todos os stakeholders do setor e estimulando uma mudança de paradigma em toda a cadeia de valor. 

O plano contempla 119 ações distribuídas por estes 4 eixos estratégicos de atuação: 

 Estruturar uma oferta cada vez mais sustentável; 
 Qualificar os agentes do setor;
 Promover Portugal como um destino sustentável;
 Monitorizar o desempenho do setor para a sustentabilidade; 

E são 3 as metas a atingir até 2023:  

 75% de empreendimentos turísticos com sistemas de eficiência energética, hídrica e gestão de resíduos; 
 75% dos empreendimentos turísticos que não utilizam Plásticos de Uso Único; 
 25.000 aderentes ao Selo Clean & Safe e 30.000 profissionais formados; e 50.000 profissionais com formação nas áreas da sustentabilidade.  

De acordo com as orientações globais da Organização Mundial do Turismo, a recuperação responsável do setor, após a pandemia de COVID-19, permitirá que este retome a atividade ainda mais forte e mais sustentável sob o compromisso de fazer melhor e com maior segurança, do ponto de vista económico, social e ambiental. 

Assim, Portugal, tem como metas aumentar a procura pelo destino, combater a sazonalidade, aumentar as habilitações das pessoas empregadas no setor, gerar um impacto positivo nos residentes, promover a eficiência energética, a eficiência hídrica e a gestão de resíduos na atividade turística nacional. 

A gestão e monitorização das ações e projetos a concretizar ao longo destes três anos permitirá proceder à reavaliação do Plano na perspetiva de garantir a sua continuidade a partir de 2024. 

>