Em maio, registou-se o nível mais alto de pesquisas dos turistas portugueses por Turismo Rural. Apesar da quebra global no turismo fruto da pandemia de COVID-19, o interesse da procura por esta tipologia de alojamento tem vindo a crescer face a 2019.

Numa altura em que a retoma turística se faz de forma gradual, as unidades de Turismo Rural estão a ganhar destaque sobretudo pelas suas características que se enquadram nas tendências atuais de procura dos turistas. A conciliação do conceito de isolamento social com a descoberta da natureza e procura de destinos menos massificados são algumas das principais razões que levam ao aumento da procura por esta forma de turismo.

Depois de uma clara diminuição em termos homólogos nos meses de março e abril, registou-se um crescimento acentuado no mês de maio, atingindo-se o pico de pesquisas por turismo rural por parte dos portugueses. Destaque ainda para o facto de as pesquisas terem mantido um nível superior durante os meses de verão, face ao ano anterior.

Evolução das Pesquisas por “Turismo Rural” em Portugal

  • A linha a azul corresponde ao Interesse da Procura no ano de 2020.
  • A linha a lilás corresponde ao Interesse da Procura no ano de 2019.

 Dados: Tourism Search Trends Tool. Análise: IPDT – Turismo e Consultoria / O valor de 100 é ponto mais alto de popularidade da pesquisa do termo. O valor de 0 é o nível mais baixo de popularidade da pesquisa do termo.

Os dados divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE) confirmam que o turismo em espaço rural e de habitação foi aquele que registou menor quebra em contexto de pandemia. O jornal Dinheiro Vivo cita ainda que dos 2,627 milhões de dormidas em alojamento turístico no mês de julho, 213,2 mil corresponderam a pernoitas em turismo em espaço rural.

Espanhóis também aumentam a procura por turismo rural

Em 2020, os espanhóis também pesquisaram mais por escapadinhas em espaço rural. O nível mais alto de pesquisas registou-se no mês de julho deste ano. À semelhança de Portugal, o interesse deste mercado por esta tipologia de alojamento tem vindo a aumentar comparativamente a 2019.

Evolução das Pesquisas por “Escapada Rural” em Espanha

  • A linha a azul corresponde ao Interesse da Procura no ano de 2020.
  • A linha a lilás corresponde ao Interesse da Procura no ano de 2019.

Dados: Tourism Search Trends Tool. Análise: IPDT – Turismo e Consultoria / O valor de 100 é ponto mais alto de popularidade da pesquisa do termo. O valor de 0 é o nível mais baixo de popularidade da pesquisa do termo.

Futuro

O contexto atual traz desafios para o setor turístico e o Turismo Rural não é exceção. No entanto, poderá haver uma oportunidade para o crescimento deste segmento, uma vez que se apresenta como uma alternativa ao turismo em zonas urbanas que padece de maior massificação.

Dia Mundial do Turismo destaca o papel do setor no Desenvolvimento Rural

As zonas interiores ganham especial destaque neste período pós-confinamento com os viajantes a procurarem mais experiências de natureza e saúde e bem-estar. Apesar de muitos destes locais já receberem turistas ao longo dos anos, estão a aproveitar o momento para ajustarem as suas estratégias e para se posicionarem como destinos de férias. Perante este novo contexto, deixamos aqui 5 benefícios do turismo para o desenvolvimento rural:

  1. Permite a valorização e conservação do património cultural e natural dos destinos;
  2. Funciona como um impulso para a economia local e cria oportunidades de emprego para as populações residentes;
  3. Apoia a adoção de práticas mais sustentáveis no turismo;
  4. Dá destaque às cidades secundárias, tornando o turismo menos concentrado nas grandes áreas urbanas;
  5. Permite uma maior desconcentração do turismo por todo o território e, consequentemente, uma aposta mais uniforme nas infraestruturas e recursos de apoio.

Neste momento é necessário perspetivar o turismo rural como uma alternativa de sucesso, e trabalhar para que os seus fluxos turísticos possam ser absorvidos de forma sustentável.

 Consulte também o artigo do Blog IPDT #WeTalkAbout: 5 passos para abrir um negócio de turismo rural de sucesso

>